"Sair de um blog sem comentar é como visitar alguém e ir embora sem se despedir..."
Terça-feira, 9 de Junho de 2009

Guia de prevenção do cancro cutâneo

 

Os cuidados que deve ter para proteger a sua pele

O sol esconde riscos que são potenciados quando não tomamos os cuidados necessários de protecção da pele.

O melanoma é o seu principal inimigo, mas, quando detectado precocemente, na esmagadora maioria dos casos, é curável.

Proteger-se do sol. Esse é o segredo. De acordo com os dados disponíveis, na população branca (caucasóide), um em cada três cancros é um cancro da pele e uma em cada seis pessoas desenvolverá esta doença ao longo da vida, sendo o excesso de exposição solar o responsável por cerca de 90% dos casos.

A situação, embora não seja dramática, é preocupante, uma vez que em Portugal temos sol durante muitos dias no ano, a nossa população tem uma pele mais clara do que aparenta e mantém hábitos de exposição solar no Verão de duração curta mas intensa. Qual a atitude que pode inverter este cenário? O conhecimento dos factores de risco e a prevenção.

Esteja atento aos sinais

Observe a evolução da forma e a cor dos seus sinais. A maioria das pessoas tem alguns e quase todos são inofensivos, mas é importante estar atenta às mudanças. Com frequência, o melanoma desenvolve-se a partir de um sinal já existente.

Examine a sua pele ao espelho de forma regular (incluindo costas, plantas dos pés e couro cabeludo), sem medos nem alarmismos, apenas para verificar se os sinais continuam iguais e vigiar o desenvolvimento de novos. Os sinais suspeitos de transformação maligna têm as características ABCD:


 

Assimetria
Dividindo o sinal ao meio, um dos lados não se parece com o outro.

Bordos irregulares
Especialmente a presença de chanfraduras ou indentações, bem como irregularidades na superfície, visíveis ou palpáveis.

Cor
O sinal de alerta pode ser a mudança na cor de um sinal já existente ou o desenvolvimento de um sinal de cores variadas, especialmente tonalidades de vermelho, branco, castanho, azul ou preto.

Diâmetro
O aumento súbito de tamanho de um sinal, especialmente os que têm mais de 5 mm de diâmetro, deve motivar de imediato uma consulta com um dermatologista.


 

O mais temido

A incidência dos diferentes cancros da pele tem aumentado de forma consistente ao longo dos últimos 30 anos. Em Portugal estima-se que surjam todos os anos cerca de 10.000 novos cancros da pele. Mas os casos mais preocupantes continuam a ser os de um tipo específico de cancro da pele: o melanoma.

O melanoma é o mais maligno dos cancros da pele. De acordo com a APCC, apesar de representar apenas 8% do total de cancros cutâneos, é responsável por mais de 80% das mortes causadas por este tipo de tumores.

 

 

Estima-se que surjam, anualmente, mais de 800 novos pacientes, prevendo-se uma mortalidade de 10 a 20% dos casos após 5 a 10 anos», revela a APCC.

As mulheres são mais propensas, especialmente entre os 40 e os 49 anos.

Nos homens é frequente no tronco, costas, cabeça e pescoço, enquanto que nas mulheres se desenvolve nas pernas e tronco.

Mas não devemos excluir a possibilidade de atingir outras áreas, incluindo os locais mais insuspeitos: debaixo das unhas, palmas das mãos ou plantas dos pés.

Para conhecer os vários tipos de melanoma que existem, clique aqui.

Sol: em que medida?

O aumento da incidência dos principais tipos de cancro da pele é geralmente atribuída à exposição solar excessiva, que tanto pode ser crónica como brusca e intermitente.

A exposição crónica ao longo do ano, como a que se verifica nos trabalhadores rurais, provoca o envelhecimento prematuro da pele e predispõe para o aparecimento das formas menos agressivas de cancro cutâneo: o carcinoma baso-celular e o carcinoma espino-celular.

A exposição brusca e intermitente ao sol, como sucede com as pessoas que vivem em meio urbano e se expõem intensamente e por curtos períodos ao sol durante as férias, aumenta o risco de aparecimento do melanoma (apesar de haver, neste caso, outros factores a considerar, nomeadamente de ordem genética).

Para saber mais sobre os vários tipos de cancro cutâneo que existem, clique aqui.

Como proteger-se do sol?

O segredo está na prevenção. Reforce-a:

  • Evite o efeito cumulativo do sol na pele bem como as queimaduras.

  • Durante a exposição ao sol, utilize fotoprotectores que sejam eficazes tanto contra os raios UVA como UVB e que tenham, no mínimo, factor 15 de protecção.

  • Os óculos de sol e os chapéus protegem a cara, o pescoço e as orelhas. E a roupa escura é melhor que a clara.

  • Lembre-se que os autobronzeadores conferem um tom bronzeado à pele, mas não aumentam a sua protecção face ao sol.

  • Cuidado com o contacto com produtos potencialmente fotossensíveis, como sabonetes, perfumes e desodorizantes. Também existem fármacos fotossensibilizantes; consulte o médico se está a tomar algum medicamento.

  • Utilize as sombras das árvores ou dos edifícios, se possível, pois são preferíveis às sombras dos chapéus de sol.

  • Utilize vestuário adequado para se proteger (camisola, chapéu e óculos de sol).

  • Lembre-se que os raios solares são mais prejudiciais entre as 11h e as 16h. Durante este tempo, evite as exposições solares.

  • Evite os solários. Para além de aumentarem o risco de cancro da pele, causam um fotoenvelhecimento precoce e têm efeitos nefastos a nível ocular (cataratas).

im Sapo Saúde http://saude.sapo.pt/prevenir/artigos/geral/saude/ver.html?id=910647&pagina

 

Postado por Isa às 10:00
link | favorito
partilhar
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Eu

.Contacto

isabelguerreiro@net.sapo.pt

.links

.posts recentes

. Até sempre...

. Seis recomendações para e...

. Oncologia no Alentejo

. Serpa: Rastreio Cancro da...

. O ultimo

. Venha Correr ou Andar por...

. 4 anos daminha reconstruç...

. "A batalha que nós não es...

. Uma historia de vida, nes...

. Um dia pela Vida...

.arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.favoritos

. Está a chegar o final do ...

. Tia Bia

. Novo passo no tratamento ...

. Avó Nena

. Tia Bia

. Amor

. Mãe

. Pai

. Manas

. Obrigado

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.pesquisar

 
Todos os artigos e matérias publicadas neste blog, bem como as informações sobre procedimentos de exames e diagnósticos aqui inseridos, têm carácter estritamente informativo e não devem ser utilizadas de forma alguma para a realização de auto-diagnóstico, auto-tratamento e ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

.últ. comentários

Boa tarde, onde se encontra um médico especialista...
Eu gosto do jeito que você escreve
Eu gosto de seu pensamento e sua maneira de escrev...
Gostaria de saber se alguém tem conhecimento de se...
Boa tarde,Por acaso estou a passar pela situação e...
Bom dia gostaria de saber uma informação como sou ...
Tenho linfoma cutâneo doença crônica e sem cura , ...
tumor benigno na cabeca do colo do femur. grau de ...
https://escritosdispersos.blogs.sapo.pt/222610.htm...
No processo de revisão ou reavaliação, o grau de ...

.mais comentados

44 comentários
28 comentários
25 comentários
24 comentários
23 comentários

.tags

. todas as tags